sobre a saudade

Eu falaria uma coisa que ouvi do Neruda. Ele diz que é proibido sentir saudades sem se alegrar, esquecer os olhos, o sorriso, só porque seus caminhos se desencontraram…

Bonito, né? Por isso fico feliz com a dor da saudade. Dói, mas é bom saber que já se amou. Que ainda se ama. E que, embora não mais possamos satisfazer as ânsias do nosso apego, ainda sim existe amor dentro de nós.

A saudade é um filme sem cor? E que filme sem cor muito doido que a gente viu ontem, né? Morangos silvestres. Me fez pensar em como nós podemos nos doar sempre. Melhor ter saudades tendo amado muito, muito, muito, muito…

Beijos, com amor!

————–

Voltando, pois eu saí rápido e não terminei de falar as coisas que tinha pra falar. Agora é dia 24 de julho. E o que são os dias? Dias em que estou comigo, sempre. E dentro de mim tenho todos os que passaram por mim e tudo que vivi, vi, ouvi até aqui…

Meu querido, um dos olhares que passou pela minha vida (e permanece) me disse assim… não fica assim, a saudade é herança do amor. Eu sorri. Aquele meio sorriso, que quer dizer que sim, dói. E sim, é lindo esse doer.

“Todos que estão em mim e me são ausentes”, se eu falasse assim estaria mentindo. Seria uma incoerência louca. Tenho pensado que talvez essa necessidade seja muito egoísta mesmo. Ego, ego, ego. Apego.

Maaaas… que os céus sabem o que fazem, a gente se alimenta dessa certeza intuida, então que seja! O que é meu é esse amor e que ele pulse e exploda e se espalhe e entre na substância das coisas e inunde a vida desses e dos outros, que o amor se espalhe, é isso.

Outro beijo, com amor!

Anúncios

3 Respostas para “sobre a saudade

  1. Escrever sobre a saudade é um lance muito louco. E essa chuva descabida me deixa mais louca ainda. Pensando no vão e nas possibilidades inturmecidas dentro dele. Fazer o quê? Ainda tô vivendo esse processo de humanização! Ficar o dia inteiro apreciando o todo da chuva, o tempo; também ajuda a aumentar a letargia. É tudo isso e mais alguns pensamentos que são só pro dia de hoje. Porque o amanhã, este já não me pertence mais…

    =)

  2. Eu até gosto da saudade. Engraçado que hoje eu consegui sentir a sua presença como sinto a de uma pessoa. Ela estava ali, pairando em cada canto da minha casa, me deixando perceber que ela sim, realmente pode ser aquela companhia da qual costumo escrever. Mas tive um motivo interessante que foi a chuva que caiu durante todo o dia de hoje. Engraçado isso. Foi a nostalgia que veio. E ela sempre vem quando acontecem essas coisas. Eu estava tranquila, na minha distraída, e veio a chuva e pá! Me remeti aquela determinada época da minha vida onde as coisas não eram necessariamente boas, mas eram e foram intensas e por isso que marcaram tanto. E fora isso, a chuva também traz saudades de alguns lugares que já andei… Então pra mim é como se fosse um catálogo de saudades… louco isso! Mas como foi dito no texto, eu amei muito em todos os momentos. Agora é oco, cinza, mas continua emanando a energia do amor.

  3. Saudade… Essa capacidade de nostalgia que só pertence a nós humanos… Afinal somos feito que quê mesmo, se não das lembranças e vivências que nos afetaram??? E o quê nos afeta?? Depende da cor, do cheiro, do dinheiro, da beleza, da quantidade??? Não… Depende do afeto, do amor que foi despertado em nós e fez flutuar nosso espírito. Uma menina quando perguntada pelo pai se lembrava das inúmeras festas que ele a levava na infância solicitamente o respondeu que não. E completou: mas lembro daquele dia em que fomos comprar pão a pé e que vc conversou comigo e sorrimos, lembro pq nunca me senti tão próxima de vc… E precisa dizer mais alguma coisa??

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s